REDD e promessas de desmatamento zero

Reduzir as emissões de desmatamento e degradação (REDD+) tornou-se a política florestal internacional predominante. Entre as variações do REDD+ estão as “Soluções Naturais para o Clima” e os compromissos das empresas com “Desmatamento Líquido Zero”. Na realidade, o desmatamento continua, as empresas poluidoras usam as compensações de REDD+ para não ter que reduzir suas emissões de carbono fóssil, e as promessas de desmatamento líquido zero permitem desmatar uma área, desde que outra área “equivalente” seja restaurada em um lugar diferente.

Este artigo faz parte da publicação "15 anos de REDD: Um esquema corrompido em sua essência"
Este artigo faz parte da publicação "15 anos de REDD: Um esquema corrompido em sua essência"
Este artigo faz parte da publicação "15 anos de REDD: Um esquema corrompido em sua essência".
Este artigo faz parte da publicação "15 anos de REDD: Um esquema corrompido em sua essência".
Este artigo faz parte da publicação "15 anos de REDD: Um esquema corrompido em sua essência".
Este artigo faz parte da publicação "15 anos de REDD: Um esquema corrompido em sua essência"
Ampliação de impostos sobre o carbono com REDD ressalta o fracasso na precificação. (Este artigo faz parte da publicação "15 anos de REDD: Um esquema corrompido em sua essência")
Entrevista com Letícia Yawanawa, liderança indígena do Acre (Brasil), e Dercy Teles de Carvalho, ex-presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Xapuri e defensora dos extrativistas(1). Este artigo faz parte da publicação "15 anos de REDD: Um esquema corrompido em sua essência" .
Entrevista com Tom Goldtooth, Environmental Indigenous Network. (Este artigo faz parte da publicação "15 anos de REDD: Um esquema corrompido em sua essência" )
Este artigo faz parte da publicação "15 anos de REDD: Um esquema corrompido em sua essência"
Este artigo faz parte da publicação "15 anos de REDD: Um esquema corrompido em sua essência"
Este artigo faz parte da publicação "15 anos de REDD: Um esquema corrompido em sua essência"