Tratados comerciais

Pode-se dizer que a acumulação de capital e os acordos comerciais são a mais invisível das causas por trás do desmatamento. A promoção do comércio – por exemplo, de produtos e commodities agrícolas – leva a mais desmatamento, e seu impacto sobre florestas e comunidades que dependem delas pode ser enorme. A negociação de acordos comerciais também tende a estar envolta em sigilo, o que limita o controle público.

A maioria das causas do desmatamento identificadas em uma análise global conduzida pela ONU em 1999 ainda está vigente. No entanto, as “soluções” propostas desde então se transformaram em novas causas subjacentes do desmatamento. Nesse cenário, os projetos que destroem a floresta e os projetos “verdes” dependem uns dos outros para serem viáveis.