Definição de florestas da FAO

A definição adotada pela Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) reduz a floresta a um amontoado de árvores e, consequentemente, considera as plantações de monoculturas como florestas. Na realidade, essas plantações causam desmatamento. Essa definição também ignora as comunidades humanas, outras espécies vivas e a complexa rede de interação entre elas. Por ser amplamente usada por governos, empresas e processos internacionais relacionados a florestas, muitas organizações vêm demandando que a FAO mude sua definição enganosa de “floresta”.

A OLAM, com sede em Cingapura, garantiu acesso a 500 mil hectares de terra para estabelecer grandes plantações de dendezeiros no Gabão, um país com 85% de cobertura florestal. Sendo assim, como a empresa pode afirmar que tem compromisso com “desmatamento zero”?

Mulheres afetadas pelas plantações de dendezeiros da OLAM decidiram enviar uma carta à FAO denunciando os impactos que estão sofrendo.