Malaui

Assine esta carta para alertar as pessoas nos países do Norte! Vamos impedir que as agências de cooperação financiem monoculturas de árvores que destroem territórios! Assine até o dia 19 de setembro.
Este relatório, compilado pelo Movimento Mundial pelas Florestas Tropicais (WRM) e pela Timberwatch Coalition (TW), agora também está disponível em suaíli. Ele trata de vários fatores internos e externos que determinam mudanças na extensão da terra com plantações industriais de árvores em onze países do leste e do sul do continente: Malaui, Moçambique, Zâmbia e Zimbábue; Quênia, Tanzânia e Uganda; África do Sul, Suazilândia e Lesoto; e Madagascar. Acesse o relatório em suaíli:
De tempos em tempos, o boletim do WRM destaca histórias, lutas e reflexões de uma parte específica do mundo. Esta edição trata das Regiões Sul e Leste da África.
Membros de organizações de agricultores, movimentos de mulheres, organizações da sociedade civil vindos da África do sul, Zimbábue, Malaui, Suasilândia, Lesoto, República Democrática do Congo e Moçambique se reuniram nos dias 15 e 16 de agosto, em Maputo, Moçambique, para analisar a crise global multidimensional e a resposta dos governos africanos.
Disponível apenas em inglês.